Publicidade

Vila Propício

Acidente na BR-414 em Dois Irmãos mata homem e fere mulher no fim do feriado

Jesiel Rodrigues de Lima, de 49 anos - natural de Niquelândia, que morava atualmente em Crixás - dirigia um Ônix em alta velocidade, sem cinto, perdeu o controle do carro e capotou várias vezes. Carla, sua esposa, quebrou a clavícula e foi levada à UPA de Goianésia: tragédia

A base da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Anápolis registrou um gravíssimo acidente com vítima fatal por volta das 15h40 deste domingo (14) no quilômetro 305 da rodovia BR-414 na altura do Povoado Dois Irmãos/Assunção de Goiás.

O trecho, que pertence ao município de Vila Propício, dista cerca de cinco quilômetros do entroncamento das BRs-414 e 080.

De acordo com o Núcleo de Comunicação Social (Nucom) da PRF em Goiás, Jesiel Rodrigues de Lima, de 49 anos, dirigia um Chevrolet Ônix, cor vermelha, quando teria perdido o controle do carro e batido numa placa de sinalização às margens da rodovia, capotando por diversas vezes em seguida. Ele não usava cinto de segurança, também de acordo com a PRF.

Ele e a esposa, Carla Pereira, foram socorridos e levados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Goianésia, onde foi constatada a morte de Jesiel por força dos ferimentos sofridos em decorrência do impacto.

Segundo informações de uma parente do casal, que mora em Niquelândia – cidade natal da vítima fatal – ficou constatado que Carla quebrou a clavícula. Ela seria transferida para o Hospital de Urgências de Anápolis (Huana)

Jesiel e a mulher atualmente moravam em Crixás, no Vale do São Patrício. Ele era filho do dentista Raulino de Souza Lima, dentista já aposentado e de tradicional família da cidade do Norte do Estado.

Por ocasião do feriado prolongado, Jesiel e Carla foram até Brasília onde visitaram uma filha do casal. Da capital federal, se deslocaram até o município de Cocalzinho de Goiás – também localizado às margens de BR-414, para visitar a mãe de Carla  – e seguiam até Dois Irmãos para buscar um irmão de Jesiel, quando ocorreu a tragédia.

Após as providências de ordem burocrática no Instituto Médico Legal (IML) de Goianésia, o corpo de Jesiel foi trasladado para Niquelândia para o velório e o enterro, previsto para ocorrer às 9 horas da manhã desta terça-feira (16), no Cemitério Municipal São José.

(com informações do Nucom/PRF-GO)

Jesiel tinha 49 anos e morava atualmente em Crixás. Ele deixa três filhos. Sepultamento será em Niquelândia nesta segunda-feira/15, cidade onde nasceu [Foto: Reprodução/Facebook]
Palavras-chave

Veja também

Botão Voltar ao topo
Fechar