Niquelândia

Fernando Carneiro encerra ‘novela’ e anuncia pagamento de R$ 3,3 milhões aos transportadores escolares

Primeira parcela, estimada em cerca de R$ 1,3 milhão, será depositada na próxima quinta-feira, dia 13: valores se referem ao ano de 2019 e serão quitados pelo Poder Executivo até novembro, após intensa articulação do secretário Wesley Campos (Educação)

O prefeito de Niquelândia, Fernando Carneiro (PSD), anunciou nesta semana que o Poder Executivo irá quitar uma dívida de aproximadamente R$ 3.300.000,00 com os profissionais que prestam serviços de transporte escolar ao município, por meio de uma cooperativa.

Antiga reivindicação da categoria, a dívida será liquidada em três parcelas, com previsão de que tudo seja resolvido até a segunda quinzena de novembro.

A previsão é que a primeira parcela desse acordo – cerca de R$ 1,3 milhão – seja liberada daqui a uma semana, na quinta-feira (13). As duas outras parcelas serão de R$ 1 milhão, cada. Os valores se referem ao ano de 2019.

Com semblante mais sério que o habitual, prefeito Fernando Carneiro detalhou aos transportadores escolares como será o parcelamento para a quitação da dívida: três parcelas, até novembro [Foto: Elaine Alves]
A definição nesse sentido foi realizada na manhã da quinta-feira (6) nas dependências da Escola Municipal São José, no Bairro Maracanã, na presença do prefeito; dos secretários municipais Wesley Campos (Educação) e Francisco Ferreira da Silva (Finanças); e dos transportadores escolares, que há muito tempo reivindicavam uma solução definitiva para o problema.

“Vamos pagar, mas temos de agradecer muito aos transportadores pela paciência que tiveram conosco. Graças a Deus, pelo esforço do Wesley – que fez várias idas e vindas entre Niquelândia e Brasília, voltando meio triste por algumas vezes – agora vamos resolver de vez essa questão. Tenho certeza de que vai dar tudo certo”, comentou o prefeito.

No último dia 30 de julho – durante entrevista ao vivo ao Programa Excelência Debate, a ‘live’ do Portal Excelência Notícias – o titular da pasta da Educação havia adiantado, com exclusividade, que o prefeito liberaria o recurso em alguns dias, o que de fato acabou ocorrendo.

Wesley Campos, secretário de Educação de Niquelândia, durante entrevista coletiva às emissoras de rádio da cidade do Norte do Estado: fim de uma novela, com o anúncio da quitação da dívida [Foto: Elaine Alves]
DÍVIDAS ERAM INCONTÁVEIS – “Estamos muito felizes com a consideração do prefeito com a Secretaria Municipal de Educação, em liquidar dívidas até então incontáveis; melhorar a questão da nossa desvalorização social, dentre outros problemas que, depois de muito tempo, estão sendo resolvidas. Com isso – e agora também com esse anúncio da quitação do transporte escolar, essa boa notícia – ganhamos um novo fôlego. Mesmo diante das promessas de liberação de recursos federais, que nunca foram cumpridas, o prefeito buscou outras soluções para que chegássemos a esse dia”, comentou o secretário, bastante aliviado, em entrevista concedida às emissoras de rádio da cidade, na quinta.

Na oportunidade, Wesley Campos também mencionou a complexidade operacional do transporte escolar em Niquelândia, pelo fato da cidade ser o maior município do Estado em extensão territorial.

Operam, no sistema, um total de 101 linhas que rodam incríveis 12.500 quilômetros na zona rural da cidade, em um único dia. Acumulando dívidas para manter a manutenção de seus veículos ao mínimo necessário, os transportadores escolares se mostraram satisfeitos com a provável resolução do problema, em breve.

ALEGRIA PARA ESPOSA E FILHOS – “Antes dele [Fernando Carneiro] ter sido o candidato-eleito [em 2018] nós já tínhamos um certo companheirismo; e isso melhorou muito a partir de agora, pois estávamos esperando por isso [o pagamento] há muito tempo. Sempre que conversamos com o Wesley sobre o problema, ele sempre tinha uma resposta imediata e conclusiva para nos passar, mesmo sobre essa reunião, que ele marcou conosco e cumpriu. Agora, ao chegar em casa, temos a alegria de falar para a esposa e para os meus filhos que esse dinheiro agora vai sair, de verdade”, comentou o transportador José Márcio.

Fernando Carneiro, prefeito de Niquelândia, cumprimenta transportadores escolares ao final da reunião onde chefe do Executivo anunciou o pagamento de valores atrasados à categoria [Foto: Elaine Alves]
Palavras-chave

Veja também

Botão Voltar ao topo
Fechar
×

Converse online pelo WhatsApp com o Portal Excelência Noticias

× Fale agora com o Excelência Noticias