Publicidade

Uruaçu

Chefão do tráfico, “Playboy” é preso pelo COD-GPT com três quilos de crack após dois anos foragido

Polícia Civil, através do delegado Rafhael Neris e sua equipe, deram respaldo aos militares do 14º BPM na madrugada deste sábado (9) à captura de Igor Rodrigues de Lima: traficante perigoso circulava entre Anápolis e Uruaçu; e usava filho e sobrinho para a venda de drogas na região

Policiais militares do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) de Uruaçu – em serviço noturno pelo Comando de Operação de Divisas (COD), com apoio da Delegacia da Polícia Civil da cidade do Norte do Estado – capturaram às 00h30 deste sábado (9) um dos maiores e mais perigosos traficantes de drogas de Anápolis, que abastecia ‘bocas-de-fumo’ conhecidas pelas forças de Segurança Pública  em Uruaçu.

Trata-se de Igor Rodrigues de Lima – de 39 anos, conhecido como “Playboy”, que já havia cumprido cinco condenações anteriores pelo mesmo crime, de acordo com os militares e com o delegado-titular da PC local, Rafhael Neris Barboza. Contra Igor, havia também um mandado de prisão em aberto.

Em poder de Playboy, numa casa na Vila Dourada, foram apreendidos nada mais nada menos do que três quilos de crack, avaliados pela autoridade policial  em cerca de R$ 54 mil.

Todo esse entorpecente ainda seria fracionado em pedras menores (ao custo de R$ 20,00 cada) que seriam revendidas para usuários uruaçuenses.

No local, o COD/GPT também localizou cerca de 300 gramas de cocaína; aproximadamente 100 gramas de maconha; e um revólver calibre 38 (com uma munição intacta).

Segundo o delegado, pode até parecer pouco, mas 300 gramas de cocaína é uma apreensão muito significativa

Fora isso, Playboy também estava na posse R$ 2.062,00 em dinheiro; e três smartphones.

MENORES ESTAVAM NA BOCA DE FUMO – No momento da abordagem policial em que “Playboy”  (o último, da  esquerda para a direita) havia três menores no interior da casa, sendo dois rapazes e uma moça. Um desses adolescentes – de 17 anos – é filho de Playboy e ajudava o pai-traficante na atividade criminosa, em Uruaçu [Foto: Divulgação/Polícia Civil]
Um carro e uma motocicleta, que estavam no imóvel, também foram apreendidos e recolhidos ao pátio do 14º Batalhão da Polícia Militar (14º BPM) de Uruaçu.

A Polícia Civil vai apurar a procedência e eventuais adulterações na motocicleta Honda Twister (ano 2003, cor azul, placa NFI-8908, de Goiânia); e no Corsa Wind (ano 1999, cor verde, placa JEX-6202, de Anápolis), na sequência das investigações.

PROCURADO HÁ DOIS ANOS – De acordo com o delegado Rafhael Neris, as polícias Civil e Militar de Uruaçu realizaram, nos últimos dois anos, várias operações em conjunto e em separado para tentar prender Playboy, sem nunca obterem êxito.

No começo dessa madrugada, porém, o GPT/COD avistou um homem em atitude suspeita na Vila Dourada, que correu para dentro da casa.

Isso chamou atenção dos militares que obtiveram sucesso na captura desse traficante, considerado um dos maiores fornecedores de drogas de Anápolis e de Uruaçu.

No início da noite deste sábado (9), o delegado de Uruaçu afirmou que a prisão de Playboy encerra um longo período de ‘caça’ ao indivíduo.

A ficha policial de Igor, segundo Rafhael Neris, possui oito páginas decorrentes de suas passagens anteriores, por crimes cometidos em Goiânia, Anápolis e Uruaçu.

Porém, ele ainda será interrogado pela autoridade policial para que a Polícia Civil também apure não apenas outras ramificações de Playboy no tráfico de drogas nos municípios às margens da BR-153, entre Anápolis e o Norte do Estado.

O delegado quer saber se houve, ou não, participação do criminoso em vários homicídios ocorridos em Uruaçu e também em municípios da região, como Campinorte e Mara Rosa, em casos que ainda não foram esclarecidos pela Polícia Civil.

INDIVÍDUO PERIGOSO – “Um desses crimes, porém, nós (a PC) conseguimos comprovar a participação dele; e foi isso que ensejou o pedido de prisão preventiva contra o Playboy, que estava em aberto. Nessa madrugada – por ser um indivíduo contumaz da mercância ilícita e como foi localizado em situação de fragrância pelo COD – o Igor foi autuado por tráfico; por associação para o tráfico pois, além de seu filho, também usava seu sobrinho para traficar; e por posse ilegal de arma de fogo.  Trata-se de um indivíduo altamente perigoso, com várias passagens por tráfico inclusive antes da mudança da lei (antidrogas, de 2006) para esse tipo de crime; e cuja prisão representou muito para nós, da área da Segurança Pública, pelo fato dele agora sair de circulação. Ao que tudo indica, ele (Playboy) era o maior chefe do tráfico entre Anápolis e toda essa Região Norte de Goiás”, afirmou o delegado de Uruaçu, em entrevista exclusiva ao Portal Excelência Notícias por volta das 19 horas deste sábado (9).

MUITA DROGA,  AGORA FORA DE CIRCULAÇÃO – Apreensão de três quilos de crack, avaliados em R$ 54 mil, é uma das maiores feitas pela COD/GPT e da Polícia Civil em Uruaçu, nos últimos tempos. “Playboy” ainda tinha em seu poder 300 gramas de cocaína, 100 gramas de maconha, um revolver, três celulares, e mais de R$ 2 mil em dinheiro: tudo foi devidamente apreendido pelo delegado Rafhael Neris, da PC [Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Palavras-chave

Veja também

Botão Voltar ao topo
Fechar