Niquelândia

Traficante suspeito de matar três rapazes é preso na ‘Operação Trem-Bala’ das polícias Civil e Militar

Indivíduo de 28 anos teria matado Roniel Alves, Gustavo Guimarães e Marco Túlio, este último na sexta/24: crimes teriam relação com a disputa pela posse de várias 'bocas-de fumo' que abastecem usuários de drogas na cidade

Suspeito de ter praticado três assassinatos em Niquelândia neste ano, um traficante de 28 anos – considerado de altíssima periculosidade –  foi preso na manhã desta quarta-feira (29) numa casa do Setor Belo Horizonte em operação conjunta das polícias Civil e Militar (PM), denominada Trem-Bala pelas equipes das duas forças de Segurança Pública da cidade do Norte do Estado.

Morreram – supostamente pela ação criminosa do indivíduo agora recolhido à cadeia da cidade – Roniel Alves de Abreu, de 20 anos (em 24 de fevereiro, baleado com dois tiros em perseguição de moto, no Jardim Atlântico); Gustavo Guimarães da Silva, de 26 anos (em 3 de março, baleado com vários tiros, no Setor BH, nas proximidades da Saneago); e Marco Túlio Pereira, de 22 anos (na última sexta-feira/24, também baleado, no CHC)

Por força da Lei de Abuso de Autoridade, que entrou em vigor em janeiro deste ano, o nome do indivíduo que teria matado os três rapazes não pode ser publicado pelo Portal Excelência Notícias.  

Porém, em entrevista ao programa Niquelândia Notícias/Rádio 104,7 FM, o agente de investigação da PC, Erlandsson Bonfim de Sena, afirmou que a detenção foi possível após cinco meses de intensas apurações sigilosas.

Com os indícios na mão, o delegado Gerson José de Sousa requereu expedição de mandado de prisão ao Poder Judiciário, que acatou o pedido.

Segundo o policial civil, a provável presença do indivíduo na casa alugada do Setor BH, nas proximidades de uma escola estadual e de uma igreja evangélica, estava sendo monitorada após denúncia recente de seu paradeiro.

Dito e feito, policiais civis do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) e do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) receberam apoio do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) da PM; e foram até o local.

O dia ainda clareava quando os policiais invadiram a casa. O criminoso dormia; e não houve a mínima possibilidade dele reagir à prisão.

Segundo Erlandsson, na casa também estavam a irmã do suspeito; e uma adolescente de 14 anos, que seria “namorada” do individuo capturado.

Havia, ainda, porções de crack e maconha, supostamente para venda posterior a usuários de drogas em Niquelândia.

HISTÓRICO – À emissora de rádio, o policial civil informou também que, anteriormente, as investigações da Operação Trem Bala resultaram na prisão de outros três traficantes da mesma quadrilha.

Fora isso, ao cumprir seis mandados de busca e apreensão, foi possível minar a ação desses criminosos com a apreensão de armas, munições e drogas.

Outro saldo positivo dessa operação foi no final de 2019, quando três traficantes morreram em confronto com o GPT na rodovia BR-414. Na ocasião, esses criminosos seguiam pela via federal com um carregamento de entorpecentes para Niquelândia.

(Com informações de Oesley Santos/Niquelândia Notícias – Rádio 104.7 FM)

Palavras-chave

Veja também

Botão Voltar ao topo
Fechar
×

Converse online pelo WhatsApp com o Portal Excelência Noticias

× Fale agora com o Excelência Noticias