Publicidade

Uruaçu

Localizados corpos dos mortos por afogamento em canoa que virou sábado no Lago Serra da Mesa

João Bueno da Silva, de 53 anos; e André Luiz Gonçalves da Silva, de 42 anos; perderam a vida de maneira trágica: um garoto de 13 anos e um outro adulto, sobreviveram: Bombeiros tiveram muito trabalho nas operações de busca

O Corpo de Bombeiros de Uruaçu encontrou, por volta das 5h40 desta terça-feira (1) no Lago Serra da Mesa, o corpo de João Bueno da Silva, de 53 anos.

O cadáver boiou à superfície do reservatório quase 60 horas depois do acidente ocorrido na noite do sábado (28), quando a canoa em que João e outras três pessoas estavam, virou, na região de garimpo denominada Ouro Fino.

O corpo da outra vítima fatal – André Luiz Gonçalves da Silva, de 42 anos – foi encontrado por volta das 17 horas da segunda-feira (30).

Os outros dois ocupantes da embarcação ––um deles, João Pedro, de 13 anos, filho de André Luiz–– conseguiram se salvar. O menor foi carregado nas costas pelo outro sobrevivente, de prenome Gilson, seu tio.

Lago Serra da Mesa, no Norte do Estado, tem sido palco de vários afogamentos nos últimos anos: na imagem, bombeiros durante a operação de busca dos dois cadáveres em Uruaçu [Foto: Divulgação 11ª CIBM/Uruaçu]
PESSOAS SIMPLES – Os dois mortos no acidente – Joãozinho, que era caseiro de um rancho na cidade;  e André Luiz, que tocava uma “jantinha” em frente a uma faculdade de Uruaçu –  foram sepultados nas cidades de Uruaçu e Nova Iguaçu de Goiás, nesta terça-feira (1).

Não houve velório, dado o estado de decomposição em que seus corpos foram encontrados.

A TRAGÉDIA E A OPERAÇÃO DE BUSCA – Tão logo o Corpo de Bombeiros de Uruaçu foi informado da tragédia, às 5h da manhã de domingo (29), foi dado início às buscas, inclusive com força-tarefa que contou com mergulhadores de Uruaçu (11ª CIBM); Niquelândia (6ª CIBM); e de Anápolis (3º BBM).

Ao todo, 10 homens participaram em média, em cada dia de operação, com apoio de quatro viaturas, de duas embarcações e de equipamentos de mergulho autônomo.

As buscas subaquáticas se concentraram no local indicado por um dos sobreviventes, onde estaria uma das vítimas, próximo de onde estaria também a embarcação; e na região mais próxima do leito do Rio Maranhão.

Em meio às buscas, na segunda-feira (30), o comandante do Corpo de Bombeiros de Uruaçu, major Ary Bernardo Dutra dos Santos, considerou “tratar-se de ocorrência complexa, já que a profundidade varia muito em função de o local ser no leito do Rio Maranhão”, afirmou o oficial, no desenrolar do trabalho.

Bombeiros-mergulhadores de Uruaçu, de Niquelândia e de Anápolis trabalharam quase três dias na operação de resgate dos corpos no Lago Serra da Mesa: operação complexa e arriscada [Foto: Divulgação/11ª CIBM – Uruaçu]
VISIBILIDADE PREJUDICADA – “Além disso, os mergulhadores praticamente não possuíam visibilidade e havia muitos galhos de árvores no fundo do Lago Serra da Mesa, o que poderia ‘prender’ o corpo impedindo de vir a superfície. Assim, exigiam-se buscas por meio de mergulhadores”, disse o oficial, ao término da operação.

Apesar da ciência de que, passadas 36 horas de afogamento em água parada, aumentava-se a probabilidade de o corpo emergir – o que acabou ocorrendo numa distância aproximadamente 6 metros da margem onde os bombeiros entraram com suas canoas – major Dutra manteve as ações da corporação de forma ininterrupta, em três períodos.

As equipes, inclusive, passaram a noite no local – mesmo com chuvas – para que não se esperasse apenas por tal possibilidade.

Além disso – mesmo depois de terem achado o segundo corpo –  o Corpo de Bombeiros de Uruaçu prosseguiu com as buscas subaquáticas nesta terça (1) com o intuito de localizar a embarcação e o motor de popa, o que ocorreu por volta das 10 da manhã.  Os equipamentos estavam a 25 metros de profundidade.

A embarcação já foi reflutuada (trazida à superfície) com bombonas de ar; e será entregue ao proprietário, bem como outros pertences também encontrados. (Com informações do Corpo de Bombeiros de Uruaçu)

Corpo de Bombeiros não mediu esforços ao resgate dos corpos das duas vítimas fatais, após acidente com canoa na noite do sábado/28 no Lago Serra da Mesa [Foto: Divulgação/11ª CIBM – Uruaçu]
Palavras-chave

Veja também

Botão Voltar ao topo
Fechar