Publicidade

Goiânia/Niquelândia

Executiva estadual do PROS oficializa pré-candidatura do médico Jean Cintra à prefeitura

Presidente do PROS em Niquelândia, Deyvi Charlle Araújo Alves 'costurou' apoio do ex-senador e presidente da legenda em Goiás, Wilder Morais; e dos deputados estaduais do PROS: indicação do cirurgião também foi respaldada pelo diretório nacional do partido, em reunião realizada em Goiânia

Em recente reunião de lideranças em Goiânia, o diretório estadual do Partido Republicano da Ordem Social (PROS) – agora presidido pelo ex-senador e atual secretário estadual de Indústria e Comércio, Wilder Morais – confirmou o nome do médico-cirurgião Jean Cintra (PROS) como pré-candidato à Prefeitura de Niquelândia, nas eleições municipais de outubro.

As declarações de apoio à pretensão de Jean foram gravadas em vídeos de curta duração, que foram disponibilizados no decorrer desta reportagem.

Se tudo transcorrer como o esperado, o cirurgião disputará o cargo de prefeito da cidade pela segunda vez: a primeira tentativa foi em 2012, sem êxito.

 

Além de Wilder Morais, também declinaram apoio à Jean Cintra o presidente nacional da legenda, Eurípedes Júnior; e a presidente nacional do PROS Mulher e atual vice-prefeita de Planaltina de Goiás, Maria Aparecida dos Santos.

Pastora Cida, como é conhecida, é mãe de Eurípedes Júnior. Nas eleições de 2018, alcançou 38.880 votos e tornou-se primeira suplente de deputada federal pela legenda.

Na oportunidade, os deputados estaduais Rubens Marques (PROS), Cairo Salim (PROS) e Vinicius Cirqueira (PROS) igualmente ratificaram o apoio a Jean Cintra, sob o argumento de que o nome do médico é garantia real de Niquelândia volte a crescer, gerando emprego e renda.

Em entrevista ao Portal Excelência Notícias, o advogado e presidente municipal do PROS em Niquelândia, Deyvi Charlle Araújo Alves, detalhou que o encontro estadual – na presença de Wilder Morais e dos políticos citados – reuniu também lideranças de outros municípios, de várias regiões do Estado.

Segundo ele, com a recente saída do vice-governador Lincoln Tejota – então presidente do PROS, que migrou para o Cidadania – o encontro na capital serviu para o estreitamento dos laços entre o diretório estadual com as executivas municipais do PROS em todo o Estado.

O objetivo, segundo Deyvi Charlle, se deu evidentemente com olhos voltados à sucessão municipal que se avizinha. Ele preside o partido na cidade do Norte do Estado desde a fundação da legenda, em 2013.

Classificado “de extrema importância” pelo presidente do PROS de Niquelândia, a reunião em Goiânia também serviu para debater as comissões provisórias municipais; as pré-campanhas eleitorais; os potenciais nomes do partido; e as estruturas que serão montadas em níveis estadual e nacional para as eleições deste ano.

 

JEAN CINTRA – “Essa reunião representou um grande ganho político para nós porque saímos de lá definidos; fortalecidos; e com a garantia de que agora Niquelândia realmente tem um pré-candidato a prefeito pela nossa legenda – com identidade com o PROS, para a sucessão em Niquelândia – que é o doutor Jean. Trata-se de um nome bastante forte que saiu do próprio partido, democraticamente, em 2019 que foi um ano de discussões nessa direção, onde todos que tinham essa intenção tiveram igual oportunidade. É claro que a convenção do partido ainda irá homologá-lo (para uma eventual candidatura a prefeito) no período determinado pela Justiça Eleitoral. Mas o mais importante agora, nesse primeiro momento, é que o nome do doutor Jean já está legitimado (como pré-candidato) pelos seus pares locais no partido; e agora, também, por essas lideranças nacionais e estaduais do PROS”, afirmou o presidente da legenda em Niquelândia.

ANÁLISE – A pedido do Portal Excelência Notícias, Deyvi Charlle comentou a conjuntura política local à sucessão do atual prefeito e também médico, Fernando Carneiro (PSD) – que ainda não definiu se irá pleitear a reeleição – e elencou as qualidades de Jean Cintra que, em sua análise, fazem dele o melhor nome para ocupar a Prefeitura de Niquelândia, a partir de janeiro de 2021.

 

OS ATRIBUTOS DE JEAN À DISPUTA – “Além de ser um médico competente e dedicado, o doutor Jean é um profissional que acreditou, acredita e continua acreditando em Niquelândia. Para a gente falar de política, temos de partir inicialmente desse norte: dando preferência para quem investe no nosso município; para os que são, de fato, empreendedores em suas respectivas áreas de atuação; e fazem Niquelândia girar a sua economia, para assim gerar emprego e renda”, afirmou Deyvi Charlle.

O presidente do PROS analisou a conjuntura político-eleitoral em Niquelândia de duas formas, como cidadão e como político, no desenrolar da entrevista ao Excelência Notícias.

POVO QUER UM GESTOR – Enquanto cidadão, Deyvi Charlle entende que a sociedade niquelandense está cansada do ‘continuísmo’ de grupos políticos que se perpetuam no poder; de prefeitos que governaram a cidade nos últimos 20 anos atendendo aos próprios interesses; e de seus grupos.

“Situações como essa desacreditam a classe política e, hoje, o povo de Niquelândia quer optar por um nome com perfil de gestor, nome esse que estamos apresentando oficialmente agora, com a pré-candidatura a prefeito do doutor Jean”, disse Deyvi Charlle, demonstrando convicção.

 

Segundo ele, as dificuldades de toda ordem enfrentadas hoje pelo município foram agravadas pela “péssima experiência” – nas palavras dele – originada da última eleição municipal em 2016: a gestão inconclusa do ex-prefeito Valdeto Ferreira (PSB) ilegitimado por falta de amparo jurídico sobre o registro de sua candidatura, para continuar no poder.

“Tivemos um vitorioso naquela eleição (Valdeto) e, posteriormente, a cassação de seu mandato. Isso gerou uma crise política extrema e sem precedentes, que resultou na eleição suplementar do doutor Fernando Carneiro. E, hoje, estamos numa situação de vulnerabilidade política; econômica; e de gestão, em todos os sentidos”, analisou o presidente local do PROS.

No entendimento de Deyvi Charlle, os munícipes de Niquelândia precisam escolher um candidato preparado para gerir a prefeitura com comando efetivo de suas decisões; e com conhecimento técnico do que precisa ser feito para a cidade ter dias melhores.

 

“A administração pública requer o atendimento de seus princípios constitucionais, dos quais a legalidade não abre mão de uma vírgula sequer. Nesse aspecto, o doutor Jean está preparado e reúne qualidades próprias, como a honradez e a probidade. Ele agrega lideranças políticas locais e estaduais, com princípios éticos e morais iguais ao dele, para auxiliá-lo, o que representa uma grande diferença da realidade local, nas tratativas à obtenção de novos apoios”, afirmou o presidente do PROS.

SEM TAPINHA NAS COSTAS – Na sequência de sua análise política, Deyvi Charlle afirmou que a cidade de Niquelândia não comporta mais o perfil do político carismático –  “aquele do tapinha nas costas”, que toma café na casa do povo, mas que não faz o que precisa ser feito (em termos de mudanças administrativas)”, nas palavras do jovem presidente do partido.  Fora isso, Deyvi Charlle destacou que a capacidade do pré-candidato para dialogar será fundamental para Niquelândia superar suas dívidas/encargos com o INSS; com o FGTS; e outras fontes credoras do município, caso Jean Cintra viabilize a candidatura e saia vitorioso do pleito em outubro.

UNIÃO DAS OPOSIÇÕES – Além de visualizar, para o leitor do Excelência Notícias, as várias possibilidades de êxito do PROS em Niquelândia a partir da confirmação da pré-candidatura de Jean Cintra, o presidente local da legenda considera necessária a união das oposições no município para impedir a reeleição do prefeito Fernando Carneiro (PSD).

Deyvi, Dona Cida, Jean Cintra, deputado Cairo Salilm, Duzinho e Josias: médico é o primeiro pré-candidato a confirmar publicamente a intenção de disputar a Prefeitura de Niquelândia no mês de outubro [Foto: Divulgação]
“É claro que o doutor Fernando poderá, sim, tirar proveito do cenário atual (a segregação das oposições) pois está com a estrutura da máquina administrativa em suas mãos. Nós sabemos que o poder faz diferença na disputa de uma eleição”, observou.

Por isso, o presidente municipal do PROS tem dialogado com os demais partidos para que a oposição ao atual chefe do Executivo esteja unida em um só propósito, em um só nome, para a vitória em outubro.

Segundo ele, a união não precisa, necessariamente, ser consolidada em torno de Jean Cintra, que é o pré-candidato do PROS. “Se for ele (Jean), ótimo. Se não, nós (do PROS) teremos de a humildade necessária; para apoiarmos um nome capaz de vencer as eleições; e que seja preparado para gerir a máquina pública do nosso município”, avaliou Deyvi Charlle.

A reunião do PROS estadual que definiu o nome de Jean Cintra como pré-candidato a prefeito de Niquelândia ocorreu na manhã do sábado (8), em Goiânia.

Além de Jean e Deyvi Charlle, a comitiva da cidade esteve composta pelo advogado Roberto Carlos Teixeira Nunes, ex-presidente do Conselho Tutelar de Niquelândia;  pelo vereador Josias Generoso (PR); e pelo ex-candidato a vereador em 2016, Rubens Ferreira França, o popular Duzinho do Muquém [Com informações de Jaldene Nunes]

Palavras-chave

Veja também

Botão Voltar ao topo
Fechar
×

Converse online pelo WhatsApp com o Portal Excelência Noticias

× Fale agora com o Excelência Noticias