Publicidade

Niquelândia

Em nota, CBA/Votorantim Metais garante segurança de suas barragens após tragédia da Vale em Brumadinho/MG

Resposta da mineradora que detém o controle da planta inoperante no Acampamento Macedo foi emitida na manhã desta terça-feira/29 a pedido do Portal Excelência Notícias, em função das preocupações dos moradores de Niquelândia: empresa afirma ter "sistema robusto" de gestão de segurança em suas barragens

No último final de semana, o Portal Excelência Notícias recebeu dezenas de mensagens de moradores de Niquelândia – cidade-sede do nosso jornal online – com pedidos para que verificássemos, junto à Companhia Brasileira de Alumínio (CBA), como é feito o controle das condições de segurança de suas barragens de rejeitos, pelo País; e em especial, na cidade do Norte do Estado.

As preocupações se referem à planta da Votorantim Metais no Acampamento Macedo – cujas atividades de extração e beneficiamento de minério de níquel estão suspensas desde janeiro de 2016 – principalmente após a tragédia ocorrida no início da tarde da sexta-feira (25) em Brumadinho/MG com o rompimento de uma barragem de rejeitos de minério de ferro da mineradora Vale.

Dados da Defesa Civil de Minas Gerais contabilizam a morte de 65 pessoas e quase 300 desaparecidos, até o presente momento, no município localizado a 70 quilômetros de Belo Horizonte.

Na manhã desta terça-feira (29), a assessoria de imprensa da CBA/Votorantim Metais emitiu o seguinte esclarecimento formal, a saber:

NOTA PARA A IMPRENSA

 “A CBA (Companhia Brasileira de Alumínio) esclarece que possui um sistema robusto de gestão de segurança que garante a integridade física de suas barragens. Esse sistema contempla monitoramentos diários, semanais e mensais, que são enviados aos órgãos fiscalizadores de acordo com a legislação.

Além do monitoramento interno, as barragens são auditadas mensalmente por uma empresa independente especializada e de competência reconhecida internacionalmente.

 A Companhia também informa que todas as suas barragens estão com a Licença de Operação em vigor.

 A CBA lamenta, ainda, profundamente o ocorrido no último dia 25, em virtude do rompimento da barragem em Brumadinho (MG) e se solidariza, com extremo pesar, com todos aqueles que tiveram suas vidas de alguma forma impactada com o fato”.

COMPANHIA BRASILEIRA DE ALUMÍNIO/CBA

Palavras-chave

Veja também

Botão Voltar ao topo
Fechar